Eternamente encantada Veneza

Uma das impressões mais comuns que se tem ao chegar a Veneza é que se está em uma cidade de outro mundo, criada por uma civilização de outra galáxia. Veneza fica na Itália, mas às vezes você se esquece que está no país, pois a cidade não se parece com o resto da Bota. Aliás, ela não se parece com nada no planeta.
Uma cidade flutuante, erguida no meio de um lago, com ruas aquáticas onde veículos (o que inclui ambulâncias, carros funerários, ônibus etc.) são barcos, tudo circundado por vielas, becos, pontezinhas e praças com todos aqueles dourados e surpreendentes detalhes escondidos em sua arquitetura bizantina. Tudo fruto da miscelânea de povos que passaram pela cidade, que foi importante ponte entre Ocidente e Oriente.

Veneza é muito mais que cafés caros, gôndolas de um gosto romântico discutível e cheiro ruim no verão (problema, aliás, cada vez mais raro graças ao trabalho de saneamento dos canais). Veneza é uma amostra de onde a criatividade do homem pode chegar. E ela inspira criatividade. Perca-se nela e fotografe, sonhe, namore. Encante-se.

INFORMAÇÕES E SERVIÇOS

Agência Nacional de Turismo da Itália (Enit) – www.enit.it

Site de turismo da cidade – www.turismovenezia.it

Idioma – italiano (oficial), embora haja habitantes que falem o veneziano, variante do dialeto vêneto.

Fuso horário – 4 horas a mais em relação ao horário oficial de Brasília

DDI da Itália – 39

Código de Veneza – 041

Moeda – Euro.

Valor de troca – Para saber a cotação da moeda local, acesse economia.uol.com.br/cotacoes/

Informações turísticas – Em toda a Itália existem centros de informação turística (APT). Em Veneza, são 13 (clique aqui e veja quais são). Os horários variam muito, alguns abrem às 8h, outros não funcionam em dezembro, por exemplo. Mas é muito difícil não encontrar um por perto em uma cidade pequena como Veneza (271 mil habitantes).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *